“Exército presta um serviço de enorme relevância para a nossa sociedade”, diz Ivana Cei

Reconhecimento: procuradora-geral de Justiça do MP-AP, Ivana Cei, é agraciada com a Medalha Exército Brasileiro na data máxima da instituição.

Da Redação

Em cerimônia realizada nesta sexta-feira (23), no salão de honra Capitão Mor Pedro Teixeira, na sede da 22ª Brigada de Infantaria de Selva, a procuradora-geral de Justiça do Ministério Público do Amapá (MP-AP), Ivana Cei, foi agraciada com a Medalha Exército Brasileiro. A entrega das honrarias foi conduzida pelo general de Brigada Adilson Giovani Quint.

Leia também:

Com sede em Macapá (AP), a “Brigada Foz do Amazonas” foi criada, em 2014, para guarnecer a faixa de fronteira com o Suriname e Guiana Francesa. “A percepção da posição estratégica privilegiada da parte oriental da Amazônia suscitou maior atenção em torno da foz do rio Amazonas, porta de entrada da região pelo Oceano Atlântico”, explica o professor de Relações Internacionais, Tiago Luedy, sobre a importância da implantação da 22ª Brigada.

A Medalha Exército Brasileiro tem a finalidade de distinguir cidadãos e instituições civis, brasileiros ou estrangeiros, militares estrangeiros, integrantes da Marinha do Brasil, da Força Aérea Brasileira e das Forças Auxiliares, bem como suas organizações militares, que tenham praticado ação destacada ou serviço relevante em prol do interesse e do bom nome do Exército Brasileiro.

“O Exército Brasileiro presta um serviço de enorme relevância para a nossa sociedade, defendendo e preservando nossas fronteiras, além de excecional atuação em projetos sociais e de ajuda humanitária. Já realizamos inúmeros projetos e parcerias que ajudaram a fortalecer o MP-AP, ampliando nossa capacidade de atuação. Estou muito feliz e honrada com esse reconhecimento”, manifestou a procuradora Ivana Cei.

Além da PGJ, Ivana Cei, foram agraciados o governador do Estado Amapá, Waldez Góes; o vice-governador, Jaime Domingues Nunes; o vice-presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), João Guilherme Lages, e o juiz titular da 2ª Vara Federal, João Bosco Soares.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...