Gove Header

Vereador Yuri Pelaes quer entrar na disputa para a Prefeitura de Macapá pelo MDB

Parlamentar filho da ex deputada e ministra Fátima Pelaes admite que Gilvam Borges também quer a vaga, mas pode ficar inelegível para o pleito deste ano.

Cleber Barbosa, da Redação

O vereador Yuri Pelaes, de Macapá, confirmou nesta quarta-feira (19) em entrevista à rádio Diário FM (90,9) projeto de disputar as convenções internas do MDB para concorrer a prefeito de Macapá nas eleições deste ano. Disse que o convite partiu de Baleia Rossi, presidente nacional do partido e que foi uma forma especial de fechar mais um ciclo de quatro anos de mandato como parlamentar da capital do estado.

Falando ao programa LuizMeloEntrevista, ele admitiu que ainda terá que enfrentar uma disputa interna com Gilvan Borges, para saber quem leva a indicação da legenda. “Na verdade, estamos buscando a unidade do partido em torno desse projeto, tenho conversado com o deputado Cabuçu e o Dilson Borges, que inclusive representa uma candidatura prioritária, para a disputa em Santana, um município preferencial para o MDB também”, disse ele.

Para isso, entende que o dirigente regional, o ex senador Gilvan Borges, tem toda a prerrogativa de se candidatar, a exemplo de 2016 quando foi para o segundo turno com o atual prefeito Clécio Luís. Mas um eventual impedimento de concorrer por eventuais questões jurídicas, podem ensejar sua inelegibilidade, o que abriria a possibilidade para que um novo nome do partido se habilite ao pleito eleitoral de novembro próximo.

Yuri diz ter um projeto jovem para Macapá, tanto que a nível nacional é diretriz que uma cidade com mais de 100 mil habitantes tenha uma candidatura própria do MDB. “Temos 15 diretrizes a serem trabalhadas para a construção de um plano de governo de modo que tenhamos cidades cidadãs, para que se tenham núcleos regionais”, anuncia.
Ele diz que tem dialogado com outras lideranças e pré-candidatos de partidos diferentes, portanto a construção e aglutinação em torno de projetos comuns e com maior musculatura não está descartado.

Sobre o próprio Gilvan Borges, Yuri diz ter conversado também no sentido de que essa renovação poderia levar o partido a sair ainda mais fortalecido deste processo. “Fazemos parte de uma geração que respeita a participação da família e sabemos do tamanho dessa missão, algo difícil, mas não existe vitória sem sacrifício, então logo logo teremos uma solução para anunciar”, finalizar.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...