Gove Header

Rommel: “Candidatos devem fazer um pacto de amor à cidade no 2º turno”

Presidente do TRE/AP, desembargador Rommel Araújo disse que Josiel (DEM) e Dr. Furlan (Cidadania) devem fazer um pacto, não com a Justiça Eleitoral, mas de amor com a cidade e com as pessoas.

Elden Carlos, do DIário

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amapá (TRE/AP), desembargador Rommel Araújo, afirmou durante entrevista na noite desta segunda-feira (07) ao programa Café Com Notícia, da rádio Diário (90,9FM), apresentado pela jornalista Ana Girlene, que o primeiro turno da eleição municipal de Macapá transcorreu de forma tranquila e sem ocorrências de grande relevância.

Ele destacou o trabalho das forças de segurança no combate aos crimes eleitorais, e observou o comportamento pacifico de eleitores e, principalmente, cabos eleitorais, que não criaram tumultos em seções eleitorais, como em outros pleitos

Ao fazer uma avaliação positiva do primeiro turno, o presidente do TRE revelou, em primeira mão, que para o segundo turno vai nivelar com os candidatos Josiel (DEM) e Dr. Furlan (Cidadania) o comprometimento deles com uma eleição limpa e de amor a cidade.

“Vamos nivelar com os dois candidatos no sentido de que eles façam um pacto, não com a Justiça Eleitoral, mas um pacto de amor à cidade. Queremos uma eleição limpa. Esse derramamento de ‘santinhos’ pela cidade, visto no primeiro turno, é um desrespeito com o eleitor. É preciso haver comprometimento, é preciso haver amor pela cidade, pelas pessoas”, disse o presidente.

O magistrado, que está eleito para assumir a presidência do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), também se posicionou sobre as fake news no processo eleitoral de 2020. Rommel Araújo foi enfático em afirmar que essa prática foi, está e será veementemente combatida. Segundo o desembargador: “Combater as fakes news não é uma utopia, mas, sim, uma necessidade.”

Outro ponto revelado pelo presidente da Justiça Eleitoral amapaense é a realização de uma live com os dois candidatos que disputam o segundo e decisivo turno na capital. De acordo com o desembargador, a proposta é que Josiel e Furlan tenham minutos disponibilizados para tratar sobre temas diversos, mas não em forma de debate, e, sim, com a apresentação de seus planos de governo.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...