Gove Header

Campanha finaliza com mais de mil atendimentos aos trabalhadores do transporte

Ações do conselho do tutelar também fizeram parte da programação, com alerta para o combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Da Redação

Durante o mês de maio, a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá (CTMac), em parceria com o Sest Senat e apoio das forças de segurança, realizou diversas ações voltadas para a sensibilização do tema da campanha Maio Amarelo 2021: Respeito e Responsabilidade no trânsito. As atividades ocorreram em diversos pontos da cidade, com blitz educativas e ações de saúde para todos que utilizam o trânsito.

“O balanço foi extremamente positivo, a parceria com o Sest Senat e a cooperação das forças de segurança, proporcionaram um alcance expressivo, atingindo todos os públicos que utilizam o trânsito de alguma forma. Deixamos o recado para que todos tenham responsabilidade e respeito no trânsito”, disse o diretor-presidente da CTMac, Marcílio Dantas.

De acordo com Julie Rodrigues, diretora do Sest Senat, a campanha atingiu seu propósito transmitindo os conceitos de responsabilidade e respeito no trânsito, com alcance de 1.100 atendimentos nas ações de saúde para os trabalhadores do transporte.

“O Sest Senat desenvolveu várias ações de saúde e educação para o trânsito durante todo mês de maio. Desenvolvemos nosso projeto de prevenção de acidentes, transportamos saúde pela cidade, assim concluímos com êxito a campanha Maio Amarelo 2021”, ressalta a diretora.

A campanha teve a colaboração das forças de segurança que atuam no trânsito, como Polícia Militar, por meio do Batalhão de Trânsito (BPTran) e Batalhão de Policiamento Rodoviário Estadual (BPRE); Polícia Rodoviária Federal e Guarda Civil Municipal de Macapá.

Ao todo, 19 ações foram realizadas durante o mês de maio para todos que utilizam o trânsito e com foco nos trabalhadores do transporte, como mototaxistas e motoristas.

Ações do conselho do tutelar também fizeram parte da programação, com alerta para o combate ao abuso e à exploração sexual de crianças e adolescentes.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...