Gove Header

Vereador diz que ruas recapeadas ainda estão sem sinalização horizontal

André Lima tem requerimentos aprovados em sessão da Câmara Municipal de Macapá pedindo providências da Companhia de Trânsito e Transporte.

Da Redação

A sinalização horizontal – que são as faixas e marcas feitas no pavimento com tinta – foi pauta em quatro requerimentos do vereador André Lima (Rede Sustentabilidade), durante a sessão remota da Câmara Municipal de Vereadores, desta quinta-feira (8). As matérias foram aprovadas pela unanimidades dos parlamentares que votaram na sessão.

Em seus argumentos, ele lembrou da importância da sinalização para o ordenamento do trânsito. “Estou solicitando a Companhia de Trânsito e Transporte de Macapá para que faça a sinalização em vários cruzamentos, visto a necessidade de maior segurança nas vias, controle e fluidez aos deslocamentos, além de reduzir a possibilidade de acidentes, uma vez que pedestres e condutores de veículos terão essa ferramenta preventiva”, argumentou o vereador.

Os trechos indicados nas solicitações são:

1-Cruzamento da Avenida Vereador José Tubinambá com Rua São José;
2-Cruzamento da Avenida Diógenes Silva com Rua Hamilton Silva;
3-Cruzamento da Avenida Diógenes Silva com Rua Leopoldo Machado;
4-Cruzamento da Avenida Vereador José Tubinambá com Hamilton Silva;

Asfalto

André Lima também pediu asfaltamento para Avenida Pólis, no Renascer, e Avenida Antônio Castro Monteiro, no Zerão. Ambas as vias são consideradas importantes para o acesso dos moradores. Porém, estão intrafegáveis por falta de infraestrutura. “De ponta a ponta, o que se vê são crateras e lamaçal, problemas que se agravam no período chuvoso, dificultando a entrada e saída das pessoas de suas casas”, ponderou o parlamentar.

Vendo a necessidade dos moradores e atendendo ao apelo deles, o vereador pediu a Secretaria Municipal de Obras e Infraestrutura Urbana para que faça drenagem, terraplanagem e asfaltamento, na Avenida Pólis, no Renascer e na Avenida Antônio Castro Monteiro, entre as Ruas Inspetor Antônio Oliveira e Luís Azarias, no bairro do Zerão.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...