Gove Header

Unidade de Acolhimento Infanto-Juvenil de Macapá entra em fase de final de obras

O novo centro faz parte do Complexo da Criança e irá acolher menores de 10 a 17 anos de idade em vulnerabilidade social.

Da Redação

O prefeito Dr. Furlan visitou no domingo (13) o prédio onde irá funcionar a primeira Unidade de Acolhimento Infanto-Juvenil de Macapá, no bairro Pedrinhas. O novo centro faz parte do Complexo da Criança e irá acolher menores de 10 a 17 anos de idade em vulnerabilidade social. O local deve ser inaugurado ainda esse mês.

“Essa é a primeira unidade de acolhimento da região norte, aqui esses jovens terão a oportunidade de um recomeço através de terapias com profissionais habilitados e também, se necessário, terão um local para ficar temporariamente. Muitos que se encontram nessa situação não têm mais vínculo com a própria família. Vamos fazer a nossa parte para ajudar essas crianças”, disse o prefeito Dr. Furlan.

Atendimento

A portaria que regulamenta o funcionamento da unidade dispõe que os atendimentos precisam ser gerados através da transferência de um Centro de Atendimento Psicossocial (Caps). Somente depois desse encaminhamento que será feita a triagem da necessidade da criança e do adolescente. A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) é responsável por estruturar o processo de acolhimento dos beneficiados.

“As crianças que serão atendidas aqui estão em situação de rua, principalmente por uso e abuso de álcool, drogas e substâncias psicoativas. Vamos trabalhar com cada usuário um plano terapêutico singular que será baseado na demanda específica da criança”, afirmou a coordenadora municipal de Saúde Mental, Joelma Ribeiro.

Obras

A obra está com 95% dos serviços concluídos e é executada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa). O centro foi construído com emenda parlamentar enviada pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede) no valor de R$777 mil, com contrapartida do tesouro municipal no valor de R $122.336,72.

A unidade de acolhimento terá uma sala multiuso, 6 dormitórios como espaço para mais de uma cama, 4 banheiros com local para banho, 2 lavabos, sala de estar, espaço para circulação, escritório, biblioteca, pátio, sala de jantar, cozinha e área de serviço.

O secretário municipal de Obra e Infraestrutura Urbana, Cássio Cruz, participou da visita e falou sobre o trabalho em parceria com outras pastas municipais.

“Estamos trabalhando em parceria com a Saúde para entregar um local que vai ser aconchegante, confortável e seguro. Além de exercer um papel fundamental na sociedade que é auxiliar crianças e adolescentes no tratamento psicossocial”, finalizou o secretário.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...