- Publicidade -

Tribunais de Contas conhecem de perto os desafios da educação no Marajó

Vereadores, servidores da educação e a comunidade do município de Afuá (PA) tiveram a oportunidade de falar sobre os desafios da educação na região.

Da Redação

Uma audiência pública coordenada por membros e servidores do Tribunal de Contas dos Municípios do Pará (TCMPA) com a participação do Tribunal de Contas do Estado do Amapá (TCE-AP) possibilitou um amplo debate sobre o tema.

A iniciativa faz parte do projeto denominado “Fortalecimento da Educação da Educação no Estado do Pará”, que surgiu com a finalidade de encontrar melhorias para qualidade da educação e o fortalecimento das políticas públicas de educação no estado. O TCE do Amapá participa da ação como colaborador para troca de experiências.

O conselheiro Cezar Colares, do TCMPA, disse que desde o início do ano as equipes já vinham realizando reuniões virtuais. “Agora estamos tendo a oportunidade de visitar pessoalmente essas comunidades. Esse trabalho vai traçar um diagnóstico na educação do Marajó. São muitas dificuldades e vamos identificar o que é falta de recurso e o que é falta de gestão”, disse.

A conselheira substituta Adriana Oliveira, também do TCMPA, ressaltou que a iniciativa deve servir como ação indutora visando a melhoria das políticas públicas municipais. “Precisamos ter uma interação articulada envolvendo todas as esferas da federação”, ressaltou.

A primeira etapa do projeto abrange 16 municípios do arquipélago do Marajó que reúnem características peculiares geográficas, climáticas e culturais, e apresentam cenário de extrema pobreza e baixo índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).

Nesta terça-feira (17/08), conselheiros e servidores de ambos os Tribunais visitaram, também, escolas Olavo Bilac (comunidade São Sebastião), Eleodoro Fonseca (no rio São Raimundo), Escola Santa Rita (comunidade Santa Rita) e o polo da Escola Dr. Jarbas Cavalcanti.

Nesta quarta-feira (18/08), será iniciada a aplicação de questionários para diretores, professores e conselhos escolares.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...