- Publicidade -

TRE-AP lança selo em comemoração aos 30 anos de Justiça Eleitoral no Amapá

O selo traz estampado a logomarca desenvolvida especialmente para a celebração do 30° aniversário da Justiça Eleitoral, com a imagem do beija-flor Brilho de Fogo, ave existente apenas na região amazônica.

Da Redação

O Tribunal Regional Eleitoral do Amapá completou 30 anos nesta quarta-feira (16) e comemorou com o lançamento de um selo e carimbo comemorativos criados em parceria com os Correios. O selo traz estampado a logomarca desenvolvida especialmente para a celebração do 30° aniversário da Justiça Eleitoral, com a imagem do beija-flor Brilho de Fogo, ave existente apenas na região amazônica. O lançamento foi realizado no plenário do TRE, às 17h.

Integraram a mesa de honra da sessão solene o presidente do Tribunal Regional Eleitoral, o desembargador Gilberto de Paula Pinheiro, o general do Exército João Gobert Damasceno, a coronel Heliane Braga de Almeida, comandante geral da polícia militar do Amapá, o vice-presidente e corregedor regional eleitoral, o desembargador João Guilherme Lages Mendes e o juiz federal Mário de Paula Franco Júnior. Também compuseram a mesa o procurador da república e procurador regional eleitoral Pablo Luiz de Beltrand, o desembargador do Tribunal de Justiça do Amapá, Mário Gurtyev de Queiroz e o deputado estadual Jory Oeiras, que representou o presidente da Assembleia Legislativa do Amapá, Kaká Barbosa.

“É uma honra representar aqui os 24 deputados do Amapá. Hoje o TRE está de parabéns, quero parabenizar todos os servidores dessa honrosa casa, são 30 anos de trabalho, consolidando a democracia através da justiça eleitoral”, afirmou o deputado Jory Oeiras.

Gilberto Pinheiro, presidente do TRE Amapá, explicou a importância da data. “Parece uma cerimônia simples mas estamos num evento histórico. Daqui a sessenta anos, na comemoração dos 90 anos, os netos dos que estiveram aqui presentes irão poder dizer que seus avós têm um selo e estiveram presentes nos 30 anos da casa.” Segundo ele, os selos retratam parte da história do país, eternizando acontecimentos importantes, a fauna e a flora e homenageando instituições e pessoas.

O livro dos 30 Anos da Justiça Eleitoral que conta a trajetória da implantação do órgão e a história do tribunal no estado, também foi entregue às autoridades presentes durante o evento. A publicação, por meio de entrevistas, pesquisas e com base no arquivo de documentos e fotografias, reúne passagens importantes da Justiça Eleitoral que se entrelaçam com a história da democracia no Amapá.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...