Gove Header

TJAP adere ao “Setembro Amarelo”, mês internacional de prevenção ao suicídio

Durante todo o mês, no Portal do TJAP, o laço amarelo, que simboliza o mês da luta contra o suicídio, estará em destaque.

Da Redação

O Tribunal de Justiça do Amapá inicia hoje (01/09) a campanha Setembro Amarelo de Prevenção ao Suicídio. Durante todo o mês, no Portal do TJAP, o laço amarelo, que simboliza o mês da luta contra o suicídio, estará em destaque. Nas redes sociais institucionais, as artes de capa trazem a mensagem sobre a jornada de prevenção ao suicídio, além do material digital que será apresentado durante o mês com mensagens de conscientização e prevenção. O prédio sede também receberá iluminação na cor amarela.

O Setembro Amarelo é uma ação protagonizada pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), em parceria com o Conselho Federal de Medicina (CFM), que acontece desde 2014 e objetiva conscientizar a sociedade para os fatores que levam pessoas a tirarem a própria vida. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente um milhão de pessoas se suicidam a cada ano.

Arlena Brandão, psicóloga do Judiciário estadual, explica a importância da campanha e a adesão de toda a sociedade na conscientização e prevenção. “Durante o ano todo trabalhamos a saúde mental no sentido preventivo e de acolhimento às pessoas que passam por algum problema, mas no mês de setembro há um destaque especial, no sentido de unir forças. Percebemos que os órgãos, em geral, trabalham o tema da saúde mental e conscientização de toda a sociedade na busca por ajuda, diante de sinais indicativos de adoecimento mental, que podemos perceber por meio do aparecimento ou agravamento de problemas de conduta. Segundo dados da OMS, 9 em cada 10 casos de suicídio poderiam ser prevenidos, então, temos que dar uma atenção especial às campanhas de saúde”, salientou.

No TJAP, os trabalhos de prevenção e acolhimento, realizados durante o ano todo, fazem parte das atividades do programa “Qualidade de Vida no Trabalho”, como explica a psicóloga. “A campanha Setembro Amarelo já faz parte do calendário anual da programação do projeto “Qualidade de Vida no Trabalho” do Tribunal de Justiça do Amapá, realizado pelo Departamento de Gestão de Pessoas (Degesp), com o intuito de conscientizar sobre a prevenção do suicídio fazendo alerta ao nosso público interno, que são os magistrados, servidores e colaboradores, a buscarem ajuda diante de algum desconforto emocional ou transtorno mental que levam a certos pensamentos suicidas, Então, temos uma equipe de saúde preparada para acolher e receber quem precisa de ajuda, prestando assistência durante o ano todo”.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...