Residencial Barcelona

Tecnologia compartilhada ajuda TCE a mapear obras paralisadas no Amapá

Um levantamento conjunto está mapeando obras públicas paradas ou suspensas em todo o Brasil. O trabalho está sendo realizado pelo Comitê Interinstitucional de Diagnóstico de Grandes Obras Suspensas e Paralisadas, pelo Conselho Nacional de Justiça e da (CNJ), Associação de Membros dos Tribunais de Contas do Brasil (ATRICON), além do sistema TCE‘s.
No Amapá, este trabalho está sendo feito pela 7ª Inspetoria de Controle Externo do Tribunal de Contas do Estado. A iniciativa envolve os chefes dos 16 municípios, além do Governo do Estado, que devem observar e atender os prazos estabelecidos pelo comitê.
Os gestores deverão indicar um servidor que será o responsável pelo preenchimento dos dados. Em seguida, as informações serão fornecidas em uma planilha eletrônica que estará disponível no site do TCE Amapá. 
Para o Inspetor de Controle Externo, Caio Felipe Laurindo, é importante o esforço conjunto dos gestores no envio correto das informações. “Após o diagnóstico, esses dados poderão servir como base na retomada das obras paradas ou suspensas”, disse.
Outro ponto que os gestores deverão atentar é o prazo de dez dias para disponibilizar as informações no questionário digital. Os dados fornecidos serão analisados e validados pelas Inspetorias de Controle Externo (ICE), e em seguida enviados ao Tribunal de Contas da União (TCU).
- Publicidade -

- Publicidade -

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...