Gove Header

Santana lidera ranking dos municípios que mais vacinaram contra Covid

Pessoas imunizadas com ao menos uma dose representam 64% da população total, e não apenas a vacinável, mas só completaram o ciclo 33,1% dos santanenses.

Cleber Barbosa, da Redação

O desafio de imunizar todos os amapaenses contra o Covid-19 é uma luta diária que mobiliza um grande contingente de profissionais de saúde, técnicos, voluntários, militares, pilotos, policiais e, claro a população em geral. Um levantamento feito pelo coordenador de Divulgação do Censo 2022 no Amapá, Joel Lima, revela quais municípios mais avançaram dentre os 16 que o estado possui, uma espécie de ranking liderado por Santana, Cutias e Mazagão.

Falando ao portal ConexaoBrasilia.com o especialista explicou que os seus dados divergem um pouco do levantamento nacional, por conta de usar um critério diferente para considerar que aqueles que tomaram vacina de dose única completaram seu ciclo vacinal. “O nosso número de primeira dose é ligeiramente diferente porque eu somo primeira dose com dose única”, explicou o analista do IBGE, que diariamente acompanha a divulgação oficial do Painel Coronavírus do Governo do Amapá.

Imunidade

O pesquisador Joel Lima, analista do setor de disseminação de informações do IBGE | Foto: John Pacheco/G1

O especialista também explicou que dentre outros critérios que vem adotando para esses levantamentos e entabulações, ele não considera o recorte apenas da atual população vacinável, mas sim o conjunto da população. “Não fiz com a população vacinável. O objetivo é monitorar quando alcançaremos a imunidade coletiva”, pondera o analista do IBGE/AP.

Confira os números do ranking de vacinação dos municípios amapaenses

Terceira dose

A Prefeitura de Santana já começou aplicar a terceira dose da vacina contra a Covid-19, para idosos a partir de 60 anos e profissionais da Saúde que completaram cinco meses após a última dose do esquema vacinal (segunda dose ou dose única), independente do imunizante aplicado. A aplicação da dose de reforço também está liberada no município para imunossuprimidos a partir de 18 anos.  A vacina da Pfizer/BioNTech é a utilizada para o reforço da imunização.

O município segue vacinando adolescentes de 12 a 17 anos e pessoas acima de 18 anos que ainda não se vacinaram. Quem vai antecipar a segunda dose da vacina Pfizer ou está na data para tomar a segunda dose das vacinas AstraZeneca ou CoronaVac também deve procurar os postos de vacinação.

Acompanhe mais recortes oficiais da imunização dos amapaenses

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...