Gove Header

Presidente do TCE Amapá é homenageado com medalha de 30 anos do MP AP

A logomarca utiliza a árvore da samaúma, símbolo oficial do MP-AP, na cor azul, e o número 30, com as cores fundamentadas no clima ensolarado do Estado.

Da Redação

Mais de cem autoridades foram homenageadas na sexta-feira (10/09), na cerimônia de lançamento do selo comemorativo em alusão aos 30 anos do Ministério Público do Amapá (MPAP). O presidente do Tribunal de Contas do Amapá, conselheiro Michel Houat Harb, foi um dos homenageados com a medalha de honra concedida pela instituição.

Compuseram a mesa de honra a procuradora geral de Justiça, Ivana Franco Cei, o governador do Estado, Waldez Góes, e de forma virtual o superintendente estadual do Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (Correios), Benedito Vieira.

O selo representativo do Ministério Público foi desenvolvido pela própria equipe de comunicação da instituição. A logomarca utiliza a árvore da samaúma, símbolo oficial do MP-AP, na cor azul, e o número 30, com as cores fundamentadas no clima ensolarado do Estado.

Já a medalha de honra que também traz como símbolo a árvore Sumaúma, homenageou membros e convidados pelo empenho e dedicação em defesa da sociedade amapaense e no fortalecimento do Ministério Público do Estado.

O governador Waldez Góes destacou a atuação do Ministério Público nos trinta anos de existência, e ressaltou a proximidade do parquet com a sociedade. “Estamos comemorando uma história de conquistas para os amapaenses. Reafirmo todo o meu compromisso com o MP e o ambiente de respeito que construímos com os demais Poderes”, disse.

Já a procuradora geral de Justiça, Ivana Franco Cei, destacou o sentimento de gratidão para o momento. “Quero agradecer o empenho de membros e servidores que nesses trinta anos ajudaram a construir a história do MP. Tivemos vitórias e grandes desafios, mas esses são como pérolas, que após o devido sofrimento, produzem o que há de mais belo em nossa trajetória”, comparou.

O presidente do TCE Amapá, conselheiro Michel Harb, agradeceu a honraria recebida e disse que Poderes e instituições públicas do Amapá estão cada vez mais alinhadas à missão de entregar um serviço de excelência à sociedade. “A história de 30 anos do MP mostra que o poder público está cada vez mais próximo do cidadão e trabalhando por uma democracia mais justa e fortalecida”, concluiu.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...