- Publicidade -

Parceiro Digital: Projeto do TJAP chega à região sul do estado, no município de Laranjal do Jari

O projeto objetiva o compartilhamento de rede wi-fi para as pessoas que necessitam utilizar os serviços da Justiça.

Da Redação

Acesso à Justiça: é com esse objetivo que o projeto “Parceiro Digital” do Tribunal de Justiça do Amapá chegou ao município de Laranjal do Jari, distante 178 quilômetros da capital Macapá. Ele consiste em garantir mais parceiros na missão de ampliar a acessibilidade remota para pessoas que não possuem acesso aos serviços do Judiciário por meio da internet. O projeto objetiva o compartilhamento de rede wi-fi (internet sem fio) dos estabelecimentos parceiros com as pessoas que necessitam utilizar os serviços da Justiça e estejam sem acesso próprio (pacote de dados móveis ou internet residencial) para que possam participar de audiências e de outros atos judiciais.

Para o professor e empresário Jesus Lopes, proprietário do empreendimento “Look Jeans”, a iniciativa é muito boa porque é, sobretudo, uma ajuda necessária para quem precisa acessar os serviços da Justiça pela internet e não tem o serviço em casa ou no celular. “Aderimos na hora. Quem precisar da internet pode contar com a gente, afinal, todos têm direito à informação e à inclusão”, explicou.

Os adesivos foram colocados em pontos estratégicos na Avenida Tancredo Neves, a principal via de Laranjal do Jari, para dar maior visibilidade às pessoas que precisam.

Quem também aderiu ao Parceiro Digital foi a franquia de sorveteria e milk-shakes “Mister Shake”, do advogado Kaio Araújo. “Queremos contribuir com a população que não tem como acessar esses serviços e precisa da internet para verificar processos ou participar de alguma audiência. Poder ajudar as pessoas em momentos tão difíceis é significativo para todos nós”, disse.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...