- Publicidade -

Lideranças do PT no Amapá querem ajudar a montar plano de Lula para Amazônia

Quadros históricos do Partido dos Trabalhadores (PT) no Amapá, como a ex vice governadora Dora Figueiredo (foto) entendem que o Amapá tem muita autoridade e tradição para ajudar na formulação da proposta petista a ser levada ao eleitor na campanha presidencial.

Cleber Barbosa, da Redação

Antes da pandemia, o ex presidente Luís Inácio Lula da Silva interrompeu a série de viagens pelo Brasil exatamente quando deveria visitar o Amapá. Agora, que está retomando suas caravanas, quer incluir o estado e para isso lideranças locais do PT querem ajudar na elaboração do plano de governo para a Amazônia.

Dora Nascimento, ex vice governadora do Amapá e quadro histórico da legenda, disse que o partido já vem realizando uma série de seminário denominado “Saberes Amazônicos”, com duas edições mensais, através de videoconferências. “Mas o PT está organizando um evento maior, presencial, que deverá acontecer na Amazônia, que embora não tenha sido definido qual estado deverá abrirar o encontro, terá a participação de lideranças amapaenses para contribuir com a elaboração do plano que Lula deverá apresentar ao eleitor durante as eleições presidenciais deste ano”, diz ela.

Dora, que integra a mesma corrente interna do PT que Lula, a CNB (Construindo um Novo Brasil), disse que o senador Randolfe Rodrigues (REDE/AP) já foi anunciado como o coordenador para a região Norte da futura campanha, mas que a nível regional haverá outras coordenações, de modo a afinar cada vez mais a proposta para as demandas que cada estado apresente. “E em se tratando de interesses amazônicos somos o estado com muita autoridade para falar sobre temas como meio ambiente e desenvolvimento com sustentabilidade”, diz Dora Nascimento.

Estudos

Após a experiência como vice-governadora, Dora – que é geógrafa – já fez Mestrado em Estado, Governança e Políticas Públicas e atualmente está no Doutorado em Políticas Públicas pela FLACSO (Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais).

Ela informou também que não existe ainda uma data definida, mas que é dada como certa uma viagem de Lula ao Amapá nos próximos meses, antes mesmo de ser iniciada a campanha presidencial propriamente dita. “O Amapá representa uma experiência exitosa em relação a esse debate amazônico e essa mobilização de lideranças progressistas em torno da volta de Lula à disputa presidencial está sendo observada também na federação de partidos em torno desse projeto”, acrescentou Dora Nascimento.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...