Gove Header

Governo e Exército fazem ação de desinfecção no principal hospital do Amapá

A operação objetiva diminuir os riscos de contaminação pelo novo coronavírus (COVID-19) na rede pública de saúde.

Dando continuidade às ações do Governo do Amapá para impedir a proliferação do novo coronavírus (COVID-19), militares do Exército Brasileiro fizeram, na manhã desta segunda-feira, 30, uma ação de desinfecção nas áreas externas do Hospital de Clínicas Alberto Lima (HCAL), principal referência hospitalar do Estado. A medida visa proteger do contágio acompanhantes de pacientes e profissionais de saúde.

A operação faz parte de uma parceria articulada pelo governador Waldez Góes junto ao Exército Brasileiro e objetiva diminuir os riscos de contaminação pelo vírus, que sobrevive por até 72 horas em algumas superfícies. O HCAL foi a segunda unidade estadual a receber a iniciativa, que iniciou na sexta-feira, 27, no Hospital de Emergência (HE), no Centro de Macapá.

Em cada operação os militares utilizam 12 mil litros de água adicionada de isocianurato de sódio com 65% de cloro ativo, eficiente na eliminação do vírus, segundo o Ministério da Saúde. A Companhia de Água e Esgoto do Amapá (Caesa) é responsável pelo fornecimento do produto químico e pela transferência para os caminhões da 22ª Brigada de Infantaria de Selva.

O diretor do hospital, Juan Mendes, explicou que essa cooperação é de extrema importância para impedir a circulação do vírus no estado, mas que a população precisa continuar fazendo a sua parte. “A população tem que continuar a contribuir com as medidas como a de restrição de circulação e manter os cuidados com a higiene das mãos, com água e sabão e álcool 70%”, reforçou.

Além de HCAL e HE, receberão a iniciativa o Pronto Atendimento Infantil (PAI), Maternidade da Zona Norte, e a Unidade Básica de Saúde (UBS) Lélio Silva, que é a principal referência municipal no atendimento de pacientes com suspeita da doença.

Áreas de grande circulação de pessoas como a Rodoviária no bairro São Lázaro, as Feiras do Novo Horizonte, do Marabaixo, do Buritizal, do Centro de Macapá, e a Feira do Pesado (Perpétuo Socorro) também passarão pela desinfecção. Cada um dos locais deverá receber a ação duas vezes por semana.

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...