Residencial Barcelona

Companhias aéreas oferecem passagens para profissionais de saúde em serviço

Médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos e nutricionistas poderão viajar com a Azul pagando apenas a taxa de embarque; iniciativa vai beneficiar profissionais diretamente envolvidos no combate à pandemia mundial.

A Azul vai permitir, a partir de hoje, 23 de março, que médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, farmacêuticos e nutricionistas que precisarem viajar para trabalhar no combate ao COVID-19 possam utilizar os assentos disponíveis em voos da companhia pagando apenas a taxa de embarque. A medida, iniciada pela GOL, também terá o apoio da Latam, numa iniciativa que une o setor aéreo no combate à pandemia causada pelo coronavírus em todo o país.

O profissional de saúde que quiser usufruir do programa deve comparecer no dia da viagem a uma das lojas da Azul, presentes nos aeroportos, com no mínimo duas horas de antecedência do embarque. Para participar, é necessário apresentar:

  • Carteira de identificação oficial do Conselho Regional competente (CRM, COREN, CREFITO, CRF ou CRN);
  • Declaração por escrito comprovando que o motivo da viagem se dá pelo cuidado a pessoas enfermas contaminadas ou suspeitas de contaminação pelo COVID-19.

Claudia Fernandes, diretora de marketing e comunicação da Azul, destaca a alegria da companhia em poder contribuir com o trabalho singelo e sensível dos profissionais de saúde. “Nosso setor se uniu para apoiar todos os profissionais da área médica que estão à frente do tratamento dos pacientes com a Covid-19. Essa é a forma que encontramos para trazer mais esperança para a população na luta contra a pandemia do coronavírus”, destaca Claudia.

Com a iniciativa, a companhia pretende acolher médicos e especialistas de todo país que estejam trabalhando no tratamento de pacientes e suspeitos de coronavírus, ampliando o acesso da população aos cuidados de saúde. O programa é válido para voos domésticos de 23 de março de 2020 a 30 de abril de 2020.

A Azul ressalta ainda que o programa é válido para voos domésticos de 23 de março de 2020 a 30 de abril de 2020. Será emitido apenas o trecho pretendido de ida, não sendo possível emitir a volta na mesma reserva. Não inclui acompanhante. Inclui 1 volume de bagagem despachada. O embarque está sujeito à disponibilidade de assento livre na aeronave. Caso o embarque não seja possível no voo pretendido ou nos demais voos do dia, a taxa de embarque será reembolsada no próprio aeroporto.

Publicidade (x)

SebraeHeader01
você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...