Gove Header

Coordenadora de enfrentamento à pandemia e estratégia para não faltar medicamentos

Silvana Vedovelli diz em entrevista no rádio como o município de Macapá vem mobilizando meios para a distribuição três vezes por dia

Cleber Barbosa, da Redação

A coordenadora de enfrentamento ao Covid-19 em Macapá, Silvana Vedovelli, falou nesta terça-feira (26) sobre um novo serviço de fornecimento de medicações nas unidades básicas de saúde, em veículos tipo Van, para evitar que os usuários, pacientes ou familiares necessitem adentrar às unidades.

Inicialmente o serviço está sendo implantado nas UBSs Lélio Silva e Álvaro Corrêa, com a utilização dos veículos que acabam de ser repassados à Guarda Municipal de Macapá, por meio da aquisição financiada por recursos extraorçamentários de emenda parlamentar. “Esses veículos já são equipados, mobiliados, refrigerados para que possamos fazer a dispensação desses medicamentos”, disse ela.

Tais medicamentos só serão entregues com a apresentação de receitas que sejam originais, bem como a devida identificação documental do paciente.

Em caso de Cloroquina, será necessário que o paciente realize a celebração de um termo de consentimento para o uso dessa medicação, que já é assinado pelos médicos.

Silvana Vedovelli falou das estratégias que visam garantir que na atenção básica, a cargo do município, os pacientes com sintomas sugeridos como de Covid-19 já possam logo após ser submetido a avaliação médica voltar para casa com a sua medicação para iniciar o tratamento. “A sugestão terapêutica do comitê médico de enfrentamento ao Covid foi apresentada ao município, que acatou essa sugestão terapêutica e desde o dia 20 de abril a gente vem utilizando essa sistemática”, disse ela.

Reposição

Para reabastecer toda essa rede de distribuição, existe uma estratégia e uma logística que apesar do esforço enfrenta alguma dificuldade, que são também de conjuntura nacional e internacional. Dos 130 mil comprimidos de Azitromicina, por exemplo, que o município abriu procedimento de compra, já chegou uma segunda remessa, de 200 mil comprimidos, com a expectativa dos 100 mil primeiros chegarem nas próximas horas para se reabastecer as unidades – que é feito três vezes ao dia.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...