Gove Header

Assembleia Legislativa participa da entrega de livros à comunidade do Ambrósio, em Santana

A campanha teve início no mês de julho e arrecadou mais de 1 mil exemplares, os quais foram entregues pelos parlamentares e servidores da Casa diretamente à comunidade.

Da Redação

“Doe Imaginação – Doe Livros” é uma campanha de inicitiva da Assembleia Legislativa para arrecadação de livros infantojuvenis a serem doados ao projeto “Era uma vez…”, criado pelo Ministério Público Estadual e Tribunal de Justiça do Amapá, com o objetivo de incentivar à leitura e à escrita na comunidade do Ambrósio, em Santana, distante aproximadamente 20 km da capital.

“Dar a leitura para crianças é prioridade do país e principalmente deste projeto maravilhoso implantado pelo Tribunal de Justiça e Ministério Público. E a Assembleia Legislativa participa em parceria com esses poderes”, declarou o Presidente Kaká Barbosa (PL) em entrevista à TV Assembleia.

A campanha teve início no mês de julho e arrecadou mais de 1 mil exemplares, os quais foram entregues pelos parlamentares e servidores da Casa diretamente à comunidade.

No sábado (14.08.2021), o deputado Jory Oeiras (DC) representou o presidente da Assembleia Legislativa deputado Kaká Barbosa na cerimônia de inauguração do projeto “Era Uma Vez”, que implantou 5 polos de leitura no Ambrósio, um na Escola Municipal dos Navegantes e os demais será nas residências dos moradores da comunidade que abriram as portas para receber o projeto.

“Com toda certeza estão de parabéns todos os servidores da Assembleia Legislativa e os gabinetes dos parlamentares que doaram mais de 1 mil livros para este projeto. É uma honra estar representando o presidente Kaká Barbosa neste evento, eu que sou nascido e morador de Santana. Essa união dos Poderes e Entidades, que buscam o caminho para o melhoramento da nossa população, e este projeto, farão a diferença na vida das crianças que terão acesso a estes livros”, disse o deputado Jory Oeiras.

Nos polos, as crianças nas idades de 4 a 12 anos, terão acesso aos livros e receberão auxílio dos voluntários vindos da comunidade e dos monitores do programa Amapá Jovem do Governo do Estado. O atendimento funcionará nos turnos da manhã e da tarde.

Silvia Canela – Promotora de Justiça e Coordenadora do Núcleo de Mediação, Conciliação e Práticas Restaurativas, da Promotoria de Santana, juntamente com a Juíza Carline Nunes, Titular do Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Santana, coordenam o projeto “Era uma vez”, no município.

“Hoje estamos inaugurando cinco polos que estão distribuídos em escolas e casas de voluntários dentro da comunidade. Este projeto é um facilitador de acesso aos livros, à imaginação e ao desenvolvimento dessas crianças. Também vem atender uma necessidade enfrentada pelas crianças neste período de pandemia, pois nem todos tem acesso à internet ou a um celular para estudar”, informou a Juíza Carline Nunes.

Neste período de pandemia as crianças tiveram que se afastar das atividades presenciais nas escolas. E este período de afastamento ainda permanece. Portanto, estes espaços vêm proporcionar um ambiente para que as crianças tenham um momento onde elas possam ser estimuladas a viajar para o mundo da imaginação.

“É um trabalho que nasceu das práticas Restaurativas e tem contribuído para que as pessoas tenham este senso de pertencimento da comunidade. E quando as pessoas se abrem para este sentimento de pertencimento acabam se conectando e percebendo que o que elas fazem para o outro, estão fazendo pra si. Vejo a união da comunidade, a participação e a cooperação.  A gente só consegue construir algo forte se houver a cooperação. Principalmente com o apoio e o engajamento da comunidade”, declarou a Promotora Silvia.

A Promotora Silvia informou que devido o quantitativo de livros que foram doados pela Assembleia Legislativa será possível estender o projeto “Era Uma Vez” para mais um bairro em Santana, e o próximo será implantado no Bairro Fonte Nova.

A campanha de doação de livros pela Assembleia Legislativa vai continuar e o próximo município a receber as doações será Cutias.  Para o presidente Kaká Barbosa esta iniciativa proporciona estudo e aprendizado para as crianças, pois para ele, a educação é o que garante o futuro próspero do povo.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...