Gove Header

Ministério da Cidadania implantará projeto anti-drogas no Amapá, diz Luiz Carlos

Deputado obtém garantia de ministro, num momento que relatório mundial aponta aumento do consumo de drogas e impactos da COVID-19 neste mercado.

Cleber Barbosa, da Redação

O deputado federal Luiz Carlos (PSDB-AP) reuniu, em Brasília, com o ministro João Roma, do Ministério da Cidadania, para tratar, além de emendas e projetos já encaminhados na pasta, em especial sobre a criação de um projeto destinado ao cuidado e prevenção às drogas no estado do Amapá.

Falando ao portal ConexãoBrasilia.com, neste sábado (15) o parlamentar – que também é advogado – ressalta o alcance social do programa, num momento em que relatório do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC) aponta aumento do consumo de drogas e impactos da COVID-19 neste mercado.

Esse projeto amapaense encabeçado pelo deputado, fará parte do programa “Rede de Suporte Social ao Dependente Químico: cuidados, prevenção e reinserção social” que tem como objetivo estabelecer políticas públicas efetivas voltadas aos usuários e dependentes químicos e seus familiares, no que se refere a prevenção, tratamento, acolhimento e recuperação, culminando com a sua reinserção social, segundo descrição da ação.

Saúde pública

Luiz Carlos é integrante da Frente Parlamentar Mista da Telessaúde e vice-presidente da Comissão Especial do PL 8045/10, do novo Código de Processo Penal e diz ter engajamento com as duas áreas, pois embora tenha implicações com a segurança pública, a dependência química é uma questão de saúde. “Nosso mandato está à disposição para ajudar na prevenção às drogas, onde estamos com diálogo intenso com os projetos do Ministério da Cidadania para que o Amapá fortaleça sua luta no combate às drogas”, reforçou o deputado.

Publicidade (x)

você pode gostar também

- Publicidade -

Comentários
Carregando...