PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
Matrículas abertas para Macapá!

quinta-feira, 12 de março de 2015

Capiberibe se manifesta contrário ao impeachment da presidente Dilma

Em entrevista ao programa do jornalista Herodoto Barbeiro, da Record News, na noite dessa quarta-feira, 11, o senador João Capiberibe (PSB/AP) afirmou que o atual modelo político brasileiro “está esgotado” e defendeu, em caráter de urgência, “uma ampla reforma política”, afirmando que a “a democracia, do jeito que está, bateu no teto, o que exige providências imediatas para que o País possa respirar os verdadeiros ventos democráticos”.
Ao ser questionado sobre a posição dele no que diz respeito à abertura de processo para o impeachment de Dilma Roussef, o Senador do Amapá afirmou que é “peremptoriamente contra”. Para ele, não há sequer citações que possam incriminar a Presidente da República no escândalo da Petrobras, cuja privatização, no entendimento dele, seria um erro.
“O que se deve fazer é uma faxina completa na empresa, que é vital para garantir o desenvolvimento do Brasil. O que se tem que fazer é apurar o que verdadeiramente aconteceu, punir os responsáveis pela situação de caos que ali se instalou e tirar de lá todos aqueles que minaram a maior estatal brasileira”, pontuou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário