PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
*Divulgação da atividade parlamentar (Ato da Mesa 43/2009).

sábado, 16 de agosto de 2014

Confira a última pesquisa Datafolha para a disputa do governo dos Estados

Folha de São Paulo
O governador Geraldo Alckmin (PSDB) se mantém na liderança pela disputa ao governo de São Paulo com 55% das intenções de voto, segundo pesquisa do Datafolha, divulgada nesta sexta-feira (15). Paulo Skaf (PMDB) com 16% e Alexandre Padilha (PT) com 5% das intenções de voto. Gilberto Natalini (PV), Raimundo Sena (PCO) e Wagner Farias (PCB) tiveram 1% cada um. Laércio Benko (PHS) e Walter Ciglioni (PRTB) não pontuaram.
Em um eventual segundo turno entre Alckmin e Skaf, o tucano venceria por 63% contra 26% do candidato do PMDB.
O maior índice de rejeição é do candidato petista Alexandre Padilha, de 28%. Não votariam de jeito nenhum em Alckmin 19% dos eleitores e em Skaf, 20%.
Em Minas, o ex-ministro Fernando Pimentel (PT) lidera a disputa com 13 pontos à frente de Pimenta da Veiga (PSDB). A pesquisa mostra o petista com 29% das intenções de voto, contra 16% do tucano. Em terceiro lugar, com 4%, aparece o candidato do PSB, o ex-prefeito de Juiz de Fora, Tarcísio Delgado (PSB). Os outros quatro candidatos somam 5%. Os indecisos somam 31% e 14% pretendem votar branco ou nulo. 45% dos eleitores não têm candidato.
O ex-governador Antonio Anastasia (PSDB) lidera para o Senado. Ele tem 46% das intenções de voto, contra 7% do empresário Josué Alencar (PMDB). Outros 25% dos eleitores não sabem em quem votar. Os que pretendem votar em branco/nulo ou em nenhum candidato somam 12%.
No Rio, o deputado Anthony Garotinho (PR) está isolado no topo das intenções de voto, com 25%. O ex-ministro da Pesca, Marcelo Crivella (PRB), caiu de 24% para 18%. Crivella agora empata com o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), que registra 16% das intenções de voto – oscilando positivamente dois pontos. O senador Lindbergh Farias (PT) manteve 12%.
No Rio Grande do Sul, a senadora Ana Amélia Lemos (PP) lidera a disputa. Ela tem 39% das intenções de voto, contra 30% do 2º colocado, o governador Tarso Genro (PT), que tenta a reeleição. O peemedebista José Ivo Sartori aparece em terceiro, com 7%. Vieira da Cunha (PDT) tem 3%, enquanto Roberto Robaina (PSOL) e João Carlos Rodrigues (PMN) estão com 1% cada. Brancos e nulos somam 6%. Não quiseram opinar 14% dos eleitores ouvidos.
Em Pernambuco, o senador Armando Monteiro Neto (PTB) aparece com 47% dos votos, seguido por Paulo Câmara (PSB), com 13%. Os outros quatro candidatos somam 5%.
No Paraná, o atual governador Beto Richa (PSDB) e o ex-governador Roberto Requião (PMDB) dividem a liderança. Richa tem 39% das intenções de voto, contra 33% do peemedebista. Considerando a margem de erro, porém, de três pontos percentuais para mais ou para menos, os dois estão tecnicamente empatados. Em terceiro lugar aparece Gleisi Hoffmann (PT), com 11%.
Na corrida ao Senado, o candidato Álvaro Dias (PSDB) lidera de longe as intenções de voto, com 57%. O segundo colocado, Ricardo Gomyde (PCdoB), candidato da chapa de Gleisi, tem 4%.
No Distrito Federal, o ex-governador José Roberto Arruda (PR) segue na frente na disputa com 35% das intenções de voto. O atual governador, Agnelo Queiroz (PT), tem 19% e Rodrigo Rollemberg (PSB), 13%. Os demais candidatos marcaram 11%. Brancos e nulos somaram 12%, e indecisos, 10%. A margem de erro da pesquisa é de quatro pontos percentuais.
Publicado em 15/08/14

Nenhum comentário:

Postar um comentário