PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
*Divulgação da atividade parlamentar (Ato da Mesa 43/2009).

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Amapaenses vão receber sinal digital da TV Senado em parceria com AL


A delegação chefiada pelo presidente interino da AL-AP, deputado Júnior Favacho (PMDB-AP).

O convênio assinado na tarde de terça-feira (17) entre o Senado Federal e a Assembléia do Amapá permitirá, em breve, que moradores do Amapá recebam o sinal digital da TV Senado e, também, a implantação da Rádio Senado FM. A assinatura do protocolo que autoriza a ALAP - Assembléia Legislativa do Amapá - a utilizar o direito da concessão contou com a presença do senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP), do assessor parlamentar, Elpidio Amanajás, técnicos da TV e Rádio Senado e os deputados amapaenses Bruno Mineiro (PTdoB), Keka Cantuária (PDT), Jaci Amanajás (PPS), Eider Pena (PDT) e Junior Favacho (PMDB) – presidente interino da Assembléia do Amapá. O deputado Júnior Favacho salientou a importância da assinatura do convênio: “Os amapaenses ganham um novo instrumento de controle de seus representantes e a disposição da ALAP é de tornar célere esse processo. Ganhamos também culturalmente, já que, os programas são riquíssimos, esclarecedores e com temas atuais, que ajudam ao cidadão esclarecer assuntos de utilidade geral”, declarou o presidente. Para o diretor da Rádio Senado, Flávio Mattos, esta oportunidade só trará ganhos para o Amapá. “Os ouvintes poderão acompanhar todas as sessões, todas as atividades do Senado Federal, ao vivo, e vão poder saber sobre o trabalho dos seus senadores e assim poder cobrar deles a atividade e a atuação a favor do estado”, concluiu. Aluisio Tadeu de Oliveira, diretor-adjunto da TV Senado, explicou: “A TV Senado vem ao longo dos anos expandindo seu sinal aberto para várias capitais Brasileiras, processo que acontece em parceria com as assembléias Legislativas. Por meio dessa expansão e graças ao sinal digital, é possível também colocar no ar o sinal da TV Assembléia, que normalmente não consegue a concessão do sinal aberto”, finalizou. O senador Randolfe afirmou, mais uma vez, o ganho do cidadão amapaense: “É um marco para as comunicações do Amapá, abrir espaço para a TV pública. É de extrema importância para uma democracia expansiva, para o Brasil e principalmente para o povo do Amapá. Com a TV e Rádio Senado, o cidadão poderá fiscalizar e cobrar a atuação de seus representantes”, comentou. O sinal da TV Senado será transmitido pelo canal 57. E o sinal da Rádio Senado será sintonizada na freqüência 93,9 MHz. A estimativa é que até setembro toda a população já tenha acesso à programação de ambas.
Texto e foto: Kellen Rechetelo

Nenhum comentário:

Postar um comentário