PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
*Divulgação da atividade parlamentar (Ato da Mesa 43/2009).

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Geovani Borges alerta para aumento do desemprego entre jovens

Metade dos jovens entre 18 e 20 anos está desempregada. É o que aponta estudo mencionado nesta quarta-feira (26) pelo do senador Geovani Borges (PMDB-AP) em Plenário. O estudo, do Ministério do Trabalho e Emprego, em parceria com o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), é intitulado Anuário do Sistema Público de Emprego, Trabalho e Renda 2010/2011 e foi divulgado esta semana.
- O Ministério do Trabalho, ao submeter à sociedade os resultados desses estudos dá uma inequívoca demonstração de compromisso com a transparência e a busca de meios para solucionar o problema, que é real e que agrava de forma terrível outros problemas como, por exemplo, a questão da violência - lamentou o parlamentar.
O senador assinalou a qualidade da pesquisa, que, entre os critérios analisados, incluiu mercado de trabalho, intermediação de mão de obra, seguro-desemprego, qualificação profissional, economia solidária e juventude. De acordo com Geovani Borges, estão sendo feitos esforços para mudar o atual "quadro de desesperança".
Ele disse que, segundo o diretor técnico do Dieese, Clemente Ganz Lúcio, a forte geração de empregos com carteira assinada tem contribuído para a redução do desemprego e da informalidade. Mesmo assim, alertou o parlamentar, as cooperativas de trabalho, setor que vem crescendo, atualmente estimadas em 25 mil unidades, não contemplam os jovens entre 18 e 20 anos de idade. Esses jovens, assim como mulheres e negros ,são os menos empregados, de acordo com o diretor do Dieese.
- Como já temos registrado nessa tribuna, o desfavorecimento tem um perfil de sexo, de idade e de raça - apontou, ao dizer que a pesquisa revela "um longo caminho" para que esses segmentos obtenham participação mais igualitária no mercado de trabalho. 

Da Redação / Agência Senado

Nenhum comentário:

Postar um comentário