PUBLICIDADE

PUBLICIDADE
*Divulgação da atividade parlamentar (Ato da Mesa 43/2009).

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Dalva representa Câmara na abertura da Feira do Empreendedor

A coordenadora da Bancada Federal durante a cerimônia no Sebrae-AP

Durante a solenidade de abertura da IV Feira do Empreendedor do Sebrae, que ocorreu na noite da última quarta (16), no auditório da instituição, a coordenadora da Bancada falou em nome dos deputados federais, à pedido do presidente da Casa, deputado Marco Maia (PT). Dalva Figueiredo (PT) destacou a realização do evento como uma grande oportunidade que os empreendedores locais terão para acessar conhecimento, indispensável ao fortalecimento do negócio.
Diretor superintendente do Sebrae, João Carlos Alvarenga falou sobre a necessidade de articular parceiros institucionais capazes de criar um ambiente favorável e desburocratizado para a implantação e crescimento de empresas. “Nesse sentido o papel do Executivo e Legislativo são indispensáveis. O Amapá foi o primeiro Estado do país a implantar a Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, mas agora precisamos avançar para que o nosso empreendedor possa ganhar competitividade”, disse.

A coordenadora nacional do circuito de feiras do Sebrae, Andréia Farias, disse que o Amapá encerra as atividades do ano com muitas razões para comemorar. “O Estado fecha o circuito com chave de ouro. A feira é organizada e gerida com modelos de excelência, focada em resultados. Toda essa movimentação voltada ao nosso cliente visa fornecer ferramentas que alavanquem suas atividades econômicas”, destacou.
Representando os empresários amapaenses, Ladislau Monte relembrou o início de sua atividade empresarial. “Quando comecei, há 35 anos, não tínhamos esse apoio que hoje o Sebrae oferece aos empreendedores. Minha empresa hoje é considerada grande, mas já foi pequena, e só crescemos porque buscamos o conhecimento. Eventos dessa natureza ajudam a diminuir, sobretudo, a mortalidade daqueles que estão começando”.
Além de rodadas de negócios, palestras e oficinas, o Sebrae desenvolveu o conceito da sustentabilidade e responsabilidade social como foco da Feira do Empreendedor. Dalva elogiou a iniciativa, reforçando que o Brasil vive um bom momento na economia, ao que pese a crise internacional. “Manter a capacidade produtiva, gerando emprego e renda é o desafio do nosso governo com a presidenta Dilma. Devemos apostar no talento das pessoas, dando oportunidade para que a criatividade possa virar algo lucrativo e sustentável também”, iniciou.

Dalva Figueiredo (PT-AP) com diretores do Sebrae-AP

A deputada federal detalhou ainda sua atividade parlamentar percorrendo os municípios de Norte a Sul do Estado, onde observa o potencial, em diversas áreas, que precisam de incentivo para crescer. “Não podemos desenvolver o Amapá, disputar mercado, criar os empregos que os amapaenses tanto precisam, sem o talento dos técnicos alinhados a uma gestão focada em resultados. Um evento como esse demonstra que o Amapá tem mão de obra qualificada para desempenhar esse papel”, concluiu.
O governador do Estado, Camilo Capiberibe, também presente na solenidade de abertura, lamentou que a Feira do Sebrae esteja ocorrendo no mesmo período da Expofeira, mas reforçou o compromisso em apoiar outro grande evento, Amazontec, que a instituição realizará em 2012.  “Romper com a dependência econômica do recurso público exige esforço e parceria de todos. Faremos a nossa parte”, finalizou.
___________________
ASCOM/ dep. Dalva Figueiredo
Contatos: 8126 – 6005 e 9967 – 2890
Escritório em Macapá: (096) 3243-0812      
Gabinete em Brasília: (061) 3215-3704      
Twitter: @DalvaFigueiredo

Nenhum comentário:

Postar um comentário